Esquiando pela primeira vez

Com belas paisagens e os mais diversos biomas, o Brasil está nos sonhos de viagem para muitos estrangeiros. Mas algo que não temos (com exceção de algumas cidades do sul, em invernos ocasionais) é neve. E sem neve, nada de estações de esqui. Sua viagem para a Califórnia pode ser uma ótima oportunidade para esquiar pela primeira vez, e há muitas opções por aqui. Caso sua opção seja passear no inverno, não esqueça de deixar um espaço no roteiro para essa nova aventura.

O que eu preciso saber para poder esquiar?

Para esquiar pela primeira vez não é preciso saber nada, se você optar por fazer aulas. Certifique-se apenas de ter o seguro viagem, e leia a apólice (ou confirme com o seu agente antes de adquirir o seguro) para ter certeza de que esse tipo de atividade está coberta. Acidentes podem acontecer, e caso aconteçam, você vai querer estar coberto. Tenha o contato/ número da apólice com você durante toda a sua viagem e passeios (pode ser uma cópia, ou uma foto no celular, por exemplo).

Em nossa primeira vez esquiando não sabíamos nem ao menos como encaixar a bota no esqui, ou como tirá-la depois. O instrutor irá ensinar cada detalhe. A maioria dos resorts oferece algum tipo de pacote para iniciantes que desejam esquiar pela primeira vez. Os pacotes em geral incluem as aulas (2 horas a um dia inteiro, em grupo ou individual) e o aluguel do equipamento (esquis, botas e bastões; capacetes geralmente só para crianças, mas você poderá solicitar um e pagar uma taxa a mais). Para facilitar na hora do aluguel da bota é interessante que você saiba o tamanho do seu sapato (na medida dos EUA). Os pacotes podem incluir também acesso a algumas pistas de esqui (as mais fáceis, projetadas para iniciantes).

A tabela abaixo, obtida da Abravest, contém uma conversão aproximada dos tamanhos dos sapatos, para você já ter uma ideia antes de chegar na California.
alt

É importante lembrar que as roupas não estão inclusas no aluguel, e calças jeans molham. Então, se você imagina que vai cair pelo menos uma vez (todo mundo cai uma vez ao menos), alugue uma calça própria para esquis antes de ir para o local onde deseja esquiar (em geral há várias lojas nas cidades próximas das estações de esqui). Uma jaqueta a prova d'água é recomendável.

Em nossa primeira experiência com esquis, após aproximadamente uma hora de aula pela manhã aprendemos a colocar e tirar os esquis, ficar em cima dos esquis, andar para frente em um local quase plano e subir inclinações sem escorregar para trás. Também nos ensinaram a direcionar os esquis para a direita ou esquerda, e a frear. Em seguida, fomos praticar na "pista das crianças". Durante a tarde aproveitamos o nosso acesso ao lift para as pistas mais fáceis e subimos a montanha. O processo de subir no teleférico pode ser um pouco assustador, em especial para quem acabou de aprender a ficar de pé nos esquis ou para quem tem medo de alturas. Na nossa primeira subida uma americana que estava conosco quase sentou para fora da cadeira, e nosso amigo teve que puxá-la para que ela não saísse voando.

Durante a descida da montanha, peguei tanta velocidade que o processo de parar que eu tinha acabado de aprender não funcionou e meu reflexo foi me inclinar para trás. Foi a minha primeira queda. Os esquis e bastões voaram para longe e eu caí com tudo na neve. Apesar de estar usando uma calça própria para esquiar, várias camadas de roupas e uma jaqueta a prova d'água, após a queda eu tinha neve até na barriga. Mas para minha surpresa, não me machuquei nem um pouco. Essa é uma das vantagens de cair na neve, em especial na neve fofa: não machuca. Subir nos esquis no meio da inclinação da montanha foi ligeiramente mais complicado do que fazer isso no plano, e precisei da ajuda de um amigo. Na segunda experiência com os esquis, escolhi ficar somente na surface area (área inclinada, em geral repleta de crianças aprendendo a esquiar com seus pais). Mas é lógico, se você é mais corajoso, como meu marido e alguns de nossos amigos, você irá querer se aventurar na montanha novamente.

Quando esquiamos pela segunda vez, ensinamos o processo básico para nossos familiares, e eles não precisaram pagar um valor extra pelas aulas para aprender o que nós aprendemos.

Na terceira vez esquiando, eu pratiquei mais a troca de peso entre as pernas, para dominar melhor o zigue-zague com os esquis. A descida da montanha na pista para iniciantes ficou bem mais fácil depois disso. Para quem está aprendendo a esquiar, recomendo assistir alguns vídeos-aula no Youtube antes de praticar por aqui.

O que levar para a estação de esqui

Baseado na nossa experiência esquiando aqui na Califórnia:

  1. Roupas: é interessante se vestir em camadas, incluindo uma camada com proteção para o frio e uma camada externa com proteção contra o vento e água (como nylon). Dê preferência para meias finas, porém, pois as botas de esqui/snowboard são apertadas. Use touca com proteção para as orelhas (ou capacetes próprios). Luvas são essenciais, e devem ser a prova d'água. Nós sempre levamos roupas extras também (importante se as suas não são especialmente indicadas para esquiar).
  2. Óculos de sol ou máscara de esqui também são essenciais.
  3. Protetor solar no rosto e lip balm (manteiga de cacau) para proteger os lábios.
  4. Documentos, dinheiro e cartão de crédito com limite: o aluguel do equipamento é garantido com um security deposit no seu cartão. Esse valor é estornado assim que o equipamento é retornado.
  5. Comida e água: não é preciso levar, em geral. Os resorts tem um restaurante/café junto à área de esqui. Nós levamos alguns snacks quando o estacionamento é próximo do resort e em feriados nos quais há bastante movimento (quando os restaurantes enchem).

Entendendo os preços: quanto custa esquiar?

Quanto você vai gastar vai depender do lugar e do tipo de ticket que você vai comprar (ou pacote), e se você tem o equipamento ou precisa alugá-lo.

Vamos usar como exemplos os lugares que visitamos.

No primeiro, Mammoth Mountain, não tinhamos a menor noção do que estávamos fazendo. Decidimos esquiar no dia anterior e optamos por fazer a aula de iniciantes por meio período. Não tínhamos o equipamento, mas passamos em uma loja antes de ir para a montanha para alugar as calças a prova d`água (menos de 10 dólares por pessoa; comprar a calça na montanha, por outro lado, iria custar em torno de 200 dólares). Nesse primeiro exemplo, o custo ficou em torno de 190 dólares por pessoa, por uma aula em grupo (2h, aproximadamente), aluguéis de equipamento e possibilidade de acessar os lifts do nível fácil no mesmo dia. A pista de iniciantes (a que eu caí) é considerada super fácil, comparativamente a outros locais, mas o resort também tem pistas intermediárias e profissionais. Nesse local também tivemos o custo adicional de aluguel de um armário para deixarmos as nossas coisas, pois tivemos que estacionar o carro distante de onde esquiamos.

Nossa segunda experiência foi em um local bem mais barato: Mt. Shasta ski park. Não fizemos aulas, e, com um grupo mais heterogêneo de interesses e idades, os preços por pessoa variaram bastante. Por exemplo, o valor para crianças em geral é inferior ao valor para adultos, na maioria dos parques de esqui. O valor para esquiar e praticar snowboard (aluguel do equipamento) também eram diferentes no Shasta. Por último, a opção de permanecer somente na área de superfície (sem subir para o topo da montanha) tinha um preço bastante reduzido. O valor total que pagamos para cinco pessoas se divertirem no Shasta foi menor do que para três pessoas, no Mammoth. Por exemplo, o máximo que pagamos para uma pessoa (adulto, snowboard, alugueis e acesso às pistas pelo dia todo) foi 84 dólares. Um pacote de aulas de esqui similar ao que fizemos no Mammoth custaria em torno de 70 dólares no Shasta.

Na nossa terceira vez esquiando, escolhemos o Donner ski ranch, próximo ao lago Tahoe. Alugamos os esquis e equipamento em outra cidade (custo em torno de 50 dólares). O valor para esquiar (acesso a todas as pistas) foi em torno de 70 dólares por pessoa (adulto), e uma aula de 1.5h em grupo, 35 dólares por pessoa. Nesse local também existia a opção de pagar somente a área de superfície (moving carpet) por apenas 10 dólares.

No Shasta e no Donner ranch não foi preciso alugar um armário para as nossas coisas, pois estacionamos o carro perto de onde estávamos (extremamante conveniente).

Resumindo, há grande variação de preços entre os locais, e vale dar uma conferida antes de escolher.

Promoções e pacotes

Os resorts de esqui oferecem uma série de produtos, que, dependendo do seu interesse, podem ser bastante atraentes. Por exemplo, os preços em geral são diferentes durante a semana e nos finais de semana e feriados, então pode ser interessante incluir essa atividade no meio da semana para reduzir os custos. Além disso, alguns locais incluem a opção de esqui noturno, e os valores são reduzidos. A tarde pode ser mais barata do que a manhã, e os pacotes para dois ou três dias tem em geral preços menores por dia do que se você comprar um dia somente.

Se o seu objetivo for se tornar um quase profissional e passar um mês esquiando, provavelmente compensa adquirir um season pass (passe válido para toda a temporada).

Alguns resorts de esqui oferecem pacotes que incluem hospedagem, por exemplo, e pode ser vantajoso dependendo do seu interesse.

Horários

Os horários de funcionamento podem variar conforme a estação de esqui, mas em geral a abertura é em torno das 8 ou 9 da manhã (com venda de ingressos e alugueis antes da abertura das pistas, em geral), e o fechamento ocorre em torno das 4 da tarde, caso não haja a opção de esqui noturno. Para locais disputados é interessante chegar o mais cedo possível para poder estacionar próximo. Alternativamente, alguns locais como o Mammoth oferecem um shuttle (ônibus de transporte) gratuito que liga a base das pistas aos estacionamentos e à cidade.

Snowboard ou esqui?

Em geral você terá a escolha pelo aluguel do snowboard ou do esqui. As botas para cada um são diferentes, então a menos que seu amigo-camarada calçe o mesmo tamanho que você e vocês queiram experimentar as duas coisas, você terá que decidir por um ou outro (ou pagar dois aluguéis).

Optamos pelo esqui pois várias pessoas nos disseram que era mais fácil de aprender. Nossos amigos que já andavam de skate optaram pelo snowboard. O fato é que eles caíram bem mais do que nós, mas talvez seja porque eles se arriscaram mais também...

Idade para esquiar

Não existe idade certa para esquiar. Quando meu marido me disse que as crianças aprendiam a esquiar nos Estados Unidos antes mesmo de andar, eu não acreditei. Até que eu vi com os meus próprios olhos a quantidade de crianças de idade pré-escolar esquiando muito melhor do que alguns adultos (como nós, por exemplo...). As crianças ainda tem vantagens nos preços: elas esquiam de graça ou por um valor bastante reduzido. Também não existe limite máximo de idade, e alguns representantes da terceira idade estavam dando um show nos esquis. Lembre-se de que, como todos os esportes, há um certo risco envolvido, e planeje as atividades que deseja fazer de acordo com suas limitações pessoais.

Outras atividades de inverno

Além do esqui e snowboard, para aqueles com um pouco mais de medo de deslizar sobre uma (ou duas) pranchinhas amarradas aos pés, existem algumas outras diversões de inverno. Não é preciso ficar em casa enquanto seus amigos se divertem! A maioria dos parques de esqui oferece outras atividades, entre as quais você poderá encontrar:

1) cross country skiing: para essa atividade você irá utilizar esquis, mas em geral os terrenos são mais planos e as distâncias, maiores. Pode ser uma atividade bastante cansativa.

2) snowshoeing: nessa atividade você coloca uma espécie de prancha sobre os sapatos e anda na neve. A prancha evita que você afunde muito na neve fofa. Vale a pena conferir se o local que você está visitando conta com passeios guiados pelos rangers (guardas-florestais) da região. Nós fizemos um passeio assim no Badger Pass (Yosemite) com um ranger, gratuitamente, e ainda ficamos sabendo um pouco da história da região. Se prepare para andar bastante: os tours duram em geral duas horas ou mais.

3) snow tubing: sabe aquelas bóias para descer nos tobogãs dos parques aquáticos no Brasil? a versão de inverno também está disponível. Em geral o preço para essa atividade é por hora (ou por um período de horas) e há filas, que podem ser maiores ou menores conforme o horário e local.

4) snow mobile: motocicletas da neve podem ser uma diversão garantida, e uma forma interessante de explorar os arredores da região. Alguns locais oferecem inclusive versões menores para crianças.

5) dog sledding: trenó puxado por cães. Pode ser uma forma interessante de conhecer a região.

6) ice skating: patinação no gelo pode ser uma das opções oferecidas nos resorts de esqui ou nas proximidades.

7) aerial tram, scenic rides e gondolas: Não é preciso ter um par de esquis nos pés ou vontade de esquiar para subir no topo das montanhas. Muitos parques oferecem teleféricos (fechados, e portanto mais a prova de frio e seguros) para as partes mais altas das montanhas, onde a vista (caso o tempo ajude) é compensatória pelo preço que você irá pagar.

Onde esquiar na Califórnia?

Existem muitas opções de lugares para esquiar e praticar as mais diversas atividades de inverno na Califórnia. Segue abaixo uma lista de opções de locais para esquiar na Califórnia, com nossos comentários para as estações que já tivemos a oportunidade de visitar.

  1. Badger Pass: Localizada no Yosemite, foi aqui que fizemos o passeio de snowshoeing com os rangers. Um local com preços muito atraentes e pouco movimentado, e bom para iniciantes.
  2. Bear Mountain
  3. Bear Valley
  4. Boreal Mountain Resort
  5. Dodge Ridge
  6. Donner Ski Ranch: um local amigável para iniciantes, e também conta com pistas de nível intermediário e avançado. Provavelmente o local com preços mais atraentes próximo do lago Tahoe.
  7. Heavenly Mountain Resort: um dos mais famosos locais do Tahoe, pela sua privilegiada localização no meio da cidade. Não esquiamos aqui, mas fizemos o passeio de gôndola que dá acesso a vista privilegiada do lago.
  8. Homewood Mountain Resort
  9. June Mountain
  10. Kirkwood
  11. Mammoth Mountain Ski Area: Nossa primeira experiência nos esquis, é um local bastante movimentado e com preços elevados, mas os pacotes podem ser uma opção interessante, em especial fora de feriados e alta temporada. As pistas mais fáceis podem ser feitas por iniciantes sem muita dificuldade.
  12. Mount Shasta Board & Ski Park: por ser um local mais afastado, é também mais tranquilo e com preços mais acessíveis. A pista mais fácil é um pouco mais intensa e não muito indicada para iniciantes, mas a área de superfície é suficiente para aprender as manobras básicas, e também tem preço reduzido.
  13. Mountain High
  14. Mt. Baldy
  15. Northstar California
  16. Sierra-at-Tahoe
  17. Ski China Peak
  18. Snow Summit
  19. Snow Valley
  20. Soda Springs
  21. Squaw Valley - Alpine Meadows
  22. Sugar Bowl Resort
  23. Tahoe Donner

Para dar um gostinho de como é subir a montanha para esquiar pela primeira vez, compartilhamos o nosso vídeo, em primeira pessoa, para você assistir abaixo: